Faturamento de leilões da Trajano Silva tem alta em 2014

O faturamento dos leilões realizados pela Trajano Silva Remates em 2014 alcançaram um total de R$ 66,16 milhões. O número é 3,7% acima do resultado de 2013, quando os remates tiveram faturamento total de R$ 63,79 milhões.

 

O destaque foi a venda de bovinos, onde os eventos conduzidos pela leiloeira alcançaram um total de R$ 17,82 milhões, alta de 21,3% em relação ao ano anterior, que fechou em R$ 14,68 milhões. O mercado aquecido com a entrada de novos compradores do Brasil Central, principalmente nas raças sintéticas, e a consistência genética dos leilões realizados na temporada foram determinantes para o resultado, conforme o leiloeiro e diretor da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva. "Tivemos um aumento de faturamento por conta do mercado de bovinos. Foi um ano muito bom na comercialização. E para 2015 as perspectivas são melhores ainda", salienta.

 

Já nos equinos, o faturamento permaneceu praticamente inalterado, chegando a R$ 48,34 milhões contra os R$ 49,1 milhões de 2013. Silva lembra que no ano passado foi realizado o leilão Padrillos durante a Expointer, que foi um remate de exceção e que teve o maior faturamento dos leilões da feira até hoje, o que impulsionou os números. O lado bom, de acordo com o leiloeiro, está sendo a entrada de novos criadores no mercado, efeito que foi amplamente verificado neste ano. "Tivemos novos compradores entrando no mercado do cavalo Crioulo, onde cadastramos compradores e a experiência do leilão Jequitibá e Tamareira em São Paulo mostrou um mercado em expansão", observa.

 

Números finais dos leilões

 

Equinos 2013: R$ 49.107.000

Equinos 2014: R$ 48.342.337

Variação: - 1,6%

 

Bovinos 2013: R$ 14.684.155

Bovinos 2014: R$ 17.820.510

Variação: 21,3%

 

Total 2013: R$ 63.791.155

Total 2014: R$ 66.162.847

Variação: 3,7%

 

Foto: Marco Quintana/Divulgação

Please reload

Últimos Releases
Please reload