Medidas para apoiar comercialização do trigo são discutidas em Brasília

Em reunião realizada em Brasília (DF) nesta segunda-feira, 16 de janeiro, representantes dos Ministérios da Agricultura e da Fazenda com dirigentes de entidades do setor tritícola gaúcho discutiram medidas para apoiar a comercialização do trigo, que passa por dificuldades no atual momento. Na semana passada, em reunião, a Federação das Cooperativas Agropecuárias do Estado do Rio Grande do Sul (FecoAgro/RS), Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (Farsul) e Associação dos Cerealistas do Rio Grande do Sul (Acergs), emitiram documento solicitando apoio emergencial.


Na reunião, foi informado que o valor do prêmio é regido por uma portaria que determina questões técnicas, porém devido aos argumentos apresentados pelas entidades gaúchas, o Ministério da Agricultura se comprometeu a ajustar o valor do prêmio para o próximo leilão, que vai ser realizado no dia 18 de janeiro. Também definiram que será utilizado o mecanismo de Aquisição do Governo Federal (AGF), ainda sem volumes definidos. Quanto à prorrogação de custeio, será aberta uma frente de negociação com os agentes financeiros.


Na avaliação do presidente da FecoAgro/RS, Paulo Pires, a reunião foi positiva, pois as entidades puderam colocar de forma clara as necessidades dos produtores, cooperativas e cerealistas do Rio Grande do Sul para resolver o problema de comercialização da cultura juntamente com os responsáveis pela operacionalização das políticas públicas. "É uma cultura muito importante para o Estado e o Brasil", define


No documento emitido na semana passada, as entidades informavam que o estoque represado de trigo no Rio Grande do Sul é de 700 mil toneladas e a janela de exportação tem prazo até o final de fevereiro. Além disso, os triticultores estão recebendo valores abaixo do preço mínimo estipulado pelo governo federal que é de R$ 38,65 a saca de 60 quilos. Atualmente o mercado tem pago cerca de R$ 29,00 a saca, o que traz um prejuízo ao produtor.

Please reload

Últimos Releases
Please reload