Cenário da cultura da soja será destaque na programação da Expodireto

Por mais um ano, a soja será o grande destaque da safra gaúcha de grãos de verão. A expectativa é que a produção da oleaginosa ultrapasse a casa das 16,3 milhões de toneladas colhidas no Rio Grande do Sul. As tendências para o grão vão ser debatidas na vigésima oitava edição do Fórum Nacional da Soja, na manhã do dia 7 de março, durante a Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque (RS). O evento, de organização da Federação das Cooperativas Agropecuárias do Estado do Rio Grande do Sul (FecoAgro/RS) em conjunto com a CCGL e a Cotrijal, mantém a metodologia adotada de discutir três pilares importantes para o produtor rural: tendências técnicas, macroeconomia e comercialização. 


De acordo com o presidente da FecoAgro/RS, Paulo Pires, o fórum se consolidou como um dos principais eventos não só da Expodireto Cotrijal como também do setor agropecuário gaúcho pela relevância dos temas discutidos. Lembra especialmente do debate sobre os transgênicos, no qual o Fórum da Soja foi um dos palcos centrais para a discussão na época em que haviam incertezas sobre a liberação dos organismos geneticamente modificados. "O Fórum da Soja se consolida como um dos eventos mais importante do agronegócio no Estado. Ele se consolidou como um dos principais eventos dentro da Expodireto como um dos palcos de discussão de políticas agrícolas. É fundamental que os representantes do setor participem do fórum, pois as informações repassadas neste ambiente são muito relevantes", salienta.


O fórum será aberto com a palestra do engenheiro agrônomo formado pela Universidade de Passo Fundo (UPF) e professor de controle integrado de pragas do Instituto de Ciências Agronomias de Passo Fundo, Dirceu Gassen, que vai falar sobre "Manejo para Altos Rendimentos". Gassen foi pesquisador da Embrapa Trigo por 21 anos e gestor de área técnica em cooperativa por 14 anos, além de ser autor de livros sobre manejo de pragas, plantio direto e manejo de lavouras para altos rendimentos. 


Logo após será a vez do mestre em economia e finanças pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), de São Paulo, Constantin Jancsó, que foi sócio da MCM Consultores Associados, além de estrategista de câmbio e renda-fixa para Brasil e México do Santander Securities em Nova Iorque. Foi também economista-chefe do HSBC e está no Bradesco desde 2016. O especialista vai fazer a palestra "Perspectivas Econômicas".


A terceira palestra da manhã ficará a cargo do engenheiro agrônomo formado pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), Fernando Muraro Jr., que abordará as "Tendências Para os Mercados de Soja e Milho em 2017/2018. O especialista tem mestrado em Economia Agrícola na Itália e especialização em análise de mercado nos Estados Unidos. Atuou como trader da Cotriguaçu, no Paraná, por seis anos. Fundou em 1996 a AgRural Commodities Agrícolas, focada em assessoria de comercialização e investimentos.


Finalizando, a palestra "Atribuição, Ocupação e Uso das Terras no Brasil e no Exterior. Primeiras Análises e Resultados do Cadastro Ambiental Rural no Brasil e Rio Grande do Sul" será realizada pelo agrônomo, pesquisador e escritor Evaristo de Miranda. Autor de 45 livros. Formado em Agronomia na França, com mestrado e doutorado pela Universidade de Montpellier, foi coordenador do Grupo de Inteligência Territorial Estratégica (GITE) da Embrapa, Chefe Geral da Embrapa Monitoramento por Satélite e membro do Conselho Superior do Agronegócio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).
 

Informações e inscrições para o Fórum Nacional da Soja podem ser obtidas no site da Expodireto Cotrijal: www.expodireto.cotrijal.com.br.

Please reload

Últimos Releases
Please reload