Nota do Simvet/RS sobre a operação "Carne Fraca"

O Sindicato dos Médicos Veterinários no Estado do Rio Grande do Sul (Simvet/RS), na qualidade de entidade representativa da categoria dos médicos veterinários gaúchos, repudia a ação de profissionais e empresários do setor alimentício que fraudaram produtos de origem animal, conforme deflagrado pela operação "Carne Fraca", assim como apoia as ações de combate à irregularidades como a vista na última sexta-feira, dia 17 de março de 2017.


Enfatizamos que os profissionais envolvidos no esquema não representam o trabalho honesto e idôneo de milhares de servidores que, na função de Fiscais Federais Agropecuários, buscam sempre primar pela qualidade e sanidade dos produtos de origem animal e que esta categoria não pode ser maculada, pois cumpre papel importante e fundamental na segurança alimentar do país e do mundo, visto que as próprias denúncias partiram de servidores que não compactuavam com esta fraude. Que os responsáveis, comprovada a culpa, sejam punidos pelo rigor das leis penais brasileiras. Importante salientar também o trabalho de milhares de médicos veterinários responsáveis técnicos das indústrias em todo o país que cumprem seu trabalho de forma ética e que também são julgados pelos erros de poucos. 


Cabe ressaltar que no Rio Grande do Sul não foram apontados casos de irregularidades. Confiamos plenamente nos profissionais da categoria que lutam, mesmo muitas vezes sem as melhores condições de trabalho, por levar um produto alimentício seguro ao consumidor. O Simvet/RS tem se integrado e proposto debates e vem discutindo junto às autoridades a busca da excelência na inspeção e fiscalização dos produtos de origem animal por entender que esta é uma questão de saúde pública séria e que deve ser tratada com profissionalismo, por isso defendemos que os cargos de responsabilidade técnica devam ser ocupados por servidores de carreira com conhecimento técnico e não por partidarismo político.
 

Finalizando, o Simvet/RS espera uma resolução rápida do caso e a a punição dos envolvidos com culpa comprovada na fraude, acreditando sempre no trabalho da maioria absoluta dos Fiscais Agropecuários que são íntegros e auxiliam na qualidade e sanidade dos produtos de origem animal, o que garante também o status do Brasil como líder no setor, tornando-se uma das principais atividades econômicas do país. 

Please reload

Últimos Releases
Please reload