Raças Hereford e Braford conhecem seus campeões rústicos na Expointer

 
O julgamento da categoria rústicos, ocorrido nesta quarta-feira, 28 de agosto, consagrou cabanhas gaúchas que competem há pouco tempo. A mostra, promovida pela Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), avaliou critérios como harmonia do conjunto, peso, genética e deslocamento. O bom tempo também contribuiu para que o público apreciasse a prova e ouvisse os comentários dos jurados sobre cada animal na pista.

 

Entre os Hereford, a Cabanha Dom Vitor, de Santa Vitória do Palmar, levou os prêmios de Trio e Grande Campeão. O touro vencedor é da raça Polled Hereford, tem apenas dois anos de idade e pesa 850 quilos, mas a tatuagem 643 que carrega trouxe sorte ao proprietários Vitor Neston e Jacques Rodrigues Neston. Esta foi a primeira participação da cabanha na Expointer. “A mostra foi muito concorrida, com jurados de renome internacional, então ficamos bastante satisfeitos por sermos consagrados na pista”, destacou Vitor. 

 

Já nos Braford a dobradinha foi para a  Cabanha Santa Camila, de Alegrete (RS), que além do Trio, sagrou como Grande Campeão o touro S82. Esta é a segunda vez que o touro concorre.  No ano passado, ele também fez parte do trio que conquistou o primeiro lugar na competição. “É uma emoção muito grande e representa o trabalho de um ano inteiro. O principal dessa vitória é minha equipe, sem apoio não se consegue nada. Estou muito feliz, é uma honra estar nesta vitrine nacional que é a Expointer”, afirmou o proprietário Manoel Francisco Rodrigues.

 

Nas fêmeas, os prêmios de Trio e Grande Campeã Hereford foram para José Antônio Galarza, da Estância Francisco Xavier, de Dom Pedrito (RS), com as tatuagens E1230, E1222, E1236. As fêmeas Braford vencedoras do Trio pertencem ao estabelecimento Basso Pancotte, de Nova Alvorada (RS), que teve como destaque a vaca tatuagem 1409.

 

Durante a tarde ainda foi realizada mostra dos vencedores da Prova de Avaliação de Campo (PAC) feita pela Embrapa. Os animais não estavam em julgamento, mas receberam ponderações dos jurados presentes. A apresentação, de acordo com a ABHB, auxilia na promoção da prova para criadores, que conseguem ter seu trabalho reconhecido e exposto para um público qualificado como o da Expointer.

 

Foto: Fagner Almeida/ABHB/Divulgação

Please reload

Últimos Releases
Please reload