• AgroEffective

Jornada técnica na Finooliva quer abordar experiências e conhecimento


Conhecimento para os interessados na olivicultura no país também terá espaço na primeira Feira Internacional de Negócios em Olivicultura (Finooliva 2014), que será realizada de 2 a 5 de setembro de 2014, no Centro de Eventos da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (Pucrs). A segunda Jornada Internacional de Olivicultura tem por finalidade discutir o tema e agregar a cultura à matriz agrícola nacional para atender a demanda por consumo de azeite e azeitonas no Brasil.

Segundo Juan Caballero, que é o coordenador técnico da jornada, o crescente interesse dos brasileiros por azeites e da azeitonas de mesa motivou a organização deste seminário. "Estes workshops são uma grande oportunidade para todos os interessados que irão conhecer aspectos muito importantes da cultura, tais como as variedades utilizadas, clima e solos mais adequados para a defesa contra pragas e doenças", salienta.

Outros temas que serão tratados, conforme Caballero, estão os pontos fortes e fracos da olivicultura na América, além de falar sobre o mercado brasileiro para esses alimentos importantes na dieta, grande importância dada à qualidade do óleo e benefícios para a saúde. O evento é organizado pela Associação Rio-Grandense de Olivicultores (Argos) em parceria com o Centro de Estudos e Promoção do Azeite do Alentejo (Cepaal). Mais informações podem ser obtidas no site www.fino2014.com.br.

Confira a programação

Terça-Feira (02/09)

10h15min - Entrega do troféu “Celeste Gobatto” para pessoas e entidades que se destacaram nos primeiros passos da olivicultura no Brasil.

11h - Palestra sobre atividades do COI – Jean Luis Barjol – diretor executivo do COI

14h - Oleicultura em processo de mudanças – Manoel Parras - reitor da Ujaén

16h - Azeite de Oliva, nutrição e saúde – José Gafório - diretor do Centro de estudos do azeite da Ujaén

Quarta-feira (03/09)

9h30min - Mercado brasileiro e outros temas relacionados – Guajará Oliveira – presidente da Argos

10h15min - Olivicultura na América Latina, pontos fortes e fracos - Juan Caballero – ex-diretor do IFAPA

14h - Necessidades de solo e clima – Carlos Navarro Garcia – professor e pesquisador

15h15min - Escolha de Variedades e Multiplicação – Juan Caballero – ex-diretor do IFAPA

Quinta-feira (04/09)

9h30min - Sistema de cultivo e outras variáveis – Monji Msalem – diretor do instituto de olivicultura de Tunis

11h - Controle de praga e enfermidades - Antonio Trapero Casas – professor e diretor da agronomia da Universidade de Córdoba

14h - Classificação dos azeites – Marino Uceda Ojeda – elaiólogo e professor da Ujaén

15h - Controle e aproveitamento de residuos - Sebastián Villasclaras Sanches.- professor e diretor de Engenharia Quimica da Ujaén.

Sexta-feira (05/09)

9h30min - Trabalho e estudo apresentado pela Embrapa

11h - Apresentação de trabalhos diversos

14h - Olivicultura na Argentina

#jornada #técnica #finooliva #olivicultura #azeitedeoliva