• AgroEffective

Exportações de arroz superam importações pelo quarto ano consecutivo


As exportações brasileiras de arroz (base casca) em novembro de 2014 tiveram leve queda em relação ao mês anterior, de outubro de 2014), mas ficaram acima dos volumes exportados em agosto e em setembro. Após atingir o menor volume mensal do atual ano-safra 2013/2014, em setembro, as exportações voltaram a crescer em outubro e novembro deste ano. Em relação ao mesmo mês do ano passado, novembro de 2013, as exportações de arroz sofreram forte queda de 42,3% em novembro de 2014, o nono mês do ano-safra 2013/2014, que inicia em 1º de março de 2014 e encerra em 28 de fevereiro de 2015.

As informações são da Carlos Cogo Consultoria Agroeconômica, com base em dados divulgados do Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC) divulgados nesta quarta-feira. As exportações de arroz em outubro de 2014 atingiram 80.435 toneladas, contra 139.306 toneladas embarcadas em novembro de 2013. Em relação ao mês anterior, de outubro de 2014, as exportações recuaram 3,3% em novembro de 2014. Do volume total exportado em novembro de 2014, 13,84% foram de arroz em casca; 25,82% foram de produto beneficiado e 60,34% de quebrados de arroz.

O destaque de novembro foi a exportação de um lote de 11.128 toneladas de arroz em casca para a Costa Rica, ao preço de US$ 340,00 a tonelada FOB Porto de Rio Grande (RS). O volume exportado em novembro de 2014 ficou 19,7% abaixo da média mensal do ano-safra 2012/2013, que foi de 100.116 toneladas. No acumulado do ano-safra 2013/2014, de março a novembro de 2014, as exportações de arroz acumulam uma alta de 1,6%, atingindo 892.452 toneladas, contra 878.496 toneladas exportadas no mesmo período do ano anterior.

Na parcial deste ano-safra 2013/2014, as exportações superam as importações em 210,7 mil toneladas. Mantida a média de exportações registrada entre março e novembro, as exportações têm potencial para atingir 1,2 milhão de toneladas neste ano-safra 2013/2014 e ainda ficariam ligeiramente acima do volume embarcado na safra anterior (2012/2013). No ano-safra 2012/2013, as exportações de arroz atingiram 1.201.396 toneladas, abaixo das 1.470.492 toneladas embarcadas no ano-safra anterior (2011/2012).

As importações brasileiras de arroz tiveram forte queda em novembro, com recuo de 43,1% em relação ao mês anterior. Em novembro de 2014, o nono mês do ano-safra 2013/2014, que iniciou em 1º de março de 2014 e encerra em 28 de fevereiro de 2015, as importações de arroz atingiram 53.270 toneladas, contra 93.658 toneladas importadas em outubro. O volume importado em novembro foi o menor desde março deste ano – o primeiro mês deste ano-safra 2013/2014. Em relação ao mesmo mês do ano anterior (novembro/2013), as importações recuaram 5,7% em novembro de 2014.

O volume importado em novembro de 2014 ficou 33,8% abaixo da média mensal do ano-safra 2012/2013, que foi de 80.483 toneladas. No acumulado do ano-safra 2013/2014 (março a novembro de 2014), as importações de arroz acumulam uma queda de 12,2%, atingindo 681.725 toneladas, contra 776.010 toneladas no mesmo período do ano anterior.

Mantida a média mensal atual no restante do ano-safra 2013/2014, dezembro de 2014 a fevereiro de 2014, as importações totalizariam 908,9 mil toneladas, o que seria o menor volume das últimas três safras. No ano-safra 2012/2013, as importações brasileiras de arroz totalizaram 965.500 toneladas, contra 1.068.000 toneladas importadas no ano-safra anterior (2011/2012).no Em novembro passado, não ingressaram importações de arroz beneficiado da Tailândia em portos brasileiros. Porém, no acumulado deste ano safra 2013/2014, entre março e novembro de 2014, as importações de arroz beneficiado da Tailândia atingiram 60.698 toneladas, equivalentes a 89.924 toneladas base casca.

Em equivalente base casca, as importações da Tailândia correspondem a 13% das 681.725 toneladas do total importado neste ano-safra 2013/2014, entre março e novembro.

Os produtos importados da Tailândia em 2014 foram arroz beneficiado (polido ou semibranqueado) e parboilizado (parcela pouco expressiva do total). Os principais portos de ingresso deste arroz foram: Santos (SP), Itajaí (SC) e São Luis (MA).

#arroz #exportações #carloscogo

RELEASES

  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • SoundCloud - Círculo Branco
  • Spotify - Círculo Branco