• AgroEffective/ABCCC

La Rienda apresenta últimos campeões da raça Crioula na Expointer


Foi pela guia da rédea que eles provaram a versatilidade do cavalo Crioulo e encerraram a programação da raça durante a Expointer, mostrando que os brasileiros abraçaram de vez a modalidade trazida dos vizinhos Argentina e Chile. No julgamento que colocou à prova toda a doma e precisão de movimentos apresentados pelos 39 finalistas, neste domingo, seis de setembro, foram definidos os campeões das cinco categorias que integram o Movimiento a La Rienda.

Depois de chegar pela terceira vez na final da modalidade o conjunto formado por Mapuche El Pituco e Golbery Vasconcellos é coroado com o posto mais alto do pódio na categoria Profissional A. Com nova conquista, o ginete – que já tem na estante o troféu do 1º Lugar com CAC Cajuru Barão em 2013 – volta para a casa com mais outro grande reconhecimento na Expointer. “É sempre muito gratificante uma vitória. Esse cavalo é muito bom”, diz o cavaleiro que estava treinando o garanhão desde 2012.

Quem comemora a vitória na Profissional B é César Alexandre Hardt, que comandou o garanhão Mapuche Flor de Mayo. Competindo no esporte desde 2010 - quando a prova foi oficializada no país - essa é a primeira vez que o ginete sobre no pódio da decisão, momento no qual não escondeu a felicidade ao ser cumprimentado pelos parceiros de pista. “Conheci a prova através da Cabanha Mapuche, que é uma incentivadora nesse sentido”, conta Hardt, provando que o apoio que alguns estabelecimentos têm dado à modalidade faz toda a diferença.

Oferecer chances iguais a diferentes níveis de competidores é um dos diferenciais da seletiva de rédeas hermana. Com isso, o topo do pódio foi ocupado por nomes distintos. Cleiton Guimarães faturou a categoria Crioulos do Futuro com Data Venia Ferradura, enquanto que a consagração na divisão Amador A ficou com Mário Pires na condução de Obstinado do Infinito. A representação feminina entre os campeões esteve no lombo de Guapo do Amarante, Nicole Scherer, na Amador B.

Segundo um dos jurados Luis Bustos, a Argentina no Movimiento a La Rienda está um nível um pouco mais alto, pois está na área há mais de quatro décadas, mas o Brasil tem muito potencial. "Aqui tem seis ou sete anos que se faz essa prova. E já há um progresso que permite aos cavalos estar em condições de competir com os argentinos de igual para igual e ganha-los também", afirma o avaliador que dividiu a responsabilidade do julgamento com Andreas Salas, Juan Cruz Amestoy, João Vicente Sá e Miguel Voss.

O prêmio de Selo de Raça da disputa ficou com o gateado Santa Martina Dejavu, exemplar da Cabanha Relancina, de Palhoça/SC. Já a supervisão técnica da decisão esteve a cargo dos técnicos credenciados à Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), Frederico Vieira Araújo e Luciano Correa Passos.

Confira o resultado

Profissional A

1º lugar

Mapuche El Pituco, filho de San Pedro Cauquen e Bien Haiga Novia Mia; criadores Renato e Osvaldo Vacinaletti e expositor Golberi Accioli Vasconcellos, CT Santa Cecília, Santo Amaro da Imperatriz/SC

Ginete: Golberi Accioli Vasconcellos

Nota: 56,5

2º lugar

CAC Cajuru Dante, filho de Quadrilheiro do Itapororó e CAC-F-14; criador Sérgio Roberto Arruda e expositor Roseri Rogério da Silva, Cabanha Relancina, Palhoça/SC

Ginete: Marcelo Renato de Souza

Nota: 56

3º lugar

Bandonio da Amandy, filho de BT Átila do Junco e Parcera da Escondida; criador Flávio Abel e Filhos e expositor Thales Rocha Bordignon, Cabanha Recanto Gaúcho, Senador Guiomard/AC

Ginete: Maximiliano Conceição

Nota: 55

Profissional B

1º Lugar

Mapuche Flor de Mayo, filho de Calfiao Pandilleiro e Mapuche Cautiva, criador; Osvaldo e Renato Vacinaletti, expositor; Victor Goedert, estabelecimento; CT Hardt, Jaraguá do Sul/SC.

Ginete: Cesar Alexandre Hardt

Nota: 55,5

2º Lugar

Mapuche A-Guantana, filho de Santa Elba Sinuelo e Tranqueadora Hechicera, criador; Cabanha Mapuche, Pomerode/SC, expositor; Osvaldo e Renato Vacinaletti, estabelecimento; Cabanha Mapuche, Pomerode/SC.

Ginete: Odair José do Amaral

Nota: 51

3º Lugar

Polvoadeira da Oca, filho de Idauhe da Boa Vista e Habaneira da Oca, criador; Oto Breier, Joinville/SC, expositor; Moacir Antunes, estabelecimento: CT Chão Batido, Trombudo Central/SC.

Ginete: Odair José do Amaral

Nota: 49

Amador A

1º Lugar

Obstinado do Infinito, filho de Hornero Tupambaé e Tangara Tupambaé, criador Roberto Sidney Davis Júnior, expositor Mario Pires, Cabanha Pires, Florianópolis/SC

Ginete: Mario Pires

Nota: 52,5

2º Lugar

Orelhano do Rodeio, filho de Buenacho 04 do HV e Florentina do Itapororó, criador Luiz Carlos Albuquerque Py e Filhos, expositor João Justino Accioli de Vasconcellos, Condomínio Rural Águas Claras, Florianópolis/SC

Ginete: João Justino Accioli de Vasconcellos

Nota: 50

3º Lugar

Estandarte Bertolini, filho de Oficial do Purunã e Sacra da Música, criador Irani Bertolini, expositor Marciano Santos e Nikolas Santos, Cabanha São Sebastião, Palhoça/SC

Ginete: Nikolas Porto dos Santos

Nota: 49

Amador B

1º lugar

Guapo do Amarante, filho de Diamante do Trinta e Oito e Guajuvira 1421 de São Bibiano; criador José Alfredo Santos Amarante e expositor Roberto Scherer, CT Juarez Silva, Viamão/RS

Ginete: Nicole Scherer

Nota: 44,5

2º lugar

Bruxo da Villa Verde, filho de Imperador do Purunã e OK Macumba; criador Décio Bogo e expositor Roberto Vidal Hawerroth, Caldas da imperatriz, Santo Amaro da imperatriz/SC

Ginete: Roberto Vidal Hawerroth

Nota: 41

3º lugar

Recuerdo El Supremo, filho de Delegado do Garrucho e Graciosa do Garrucho; criador Leandro Amaral e expositor Bianca Chiesa Gonçalves, Cabanha Santa Bárbara, Florianópolis/SC

Ginete: Bianca Chiesa Gonçalves

Nota: 41

Crioulos do Futuro

1º lugar

Data Venia Ferradura, filha de BT Bico Branco e Uruguaiana do Pastoreio; criador Marcelo da Costa Gambogi e expositor Servelo de Lima Abreu, CT Guimarães, Viamão/RS

Ginete: Cleiton Guimarães

Nota: 43,5

2º lugar

Mapuche Hiparco, filho de Calfio Pandilero e As Malke Duquesa; criadores Osvaldo e Renato Vacinaletti e expositor Roberto Gomes, Cabanha Dom Ambrosio, Gaspar/SC

Ginete: Ronaldo Kreusch

Nota: 43

3º lugar

Mapuche Huraña, filha de Calfiao Pandillero e Ballenera Soguera; criadores e expositores Osvaldo e Renato Vacinaletti, Cabanha Mapuche, Pomerode/SC

Ginete: Jairo Rodrigues

Nota: 40,5

Foto: Fagner Almeida/ABCCC/Divulgação

#MovimientoaLaRienda #ABCCC #CavaloCrioulo #Expointer #Esteio

RELEASES

  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • SoundCloud - Círculo Branco
  • Spotify - Círculo Branco