• ABCCC

Alto nível marca Exposição Passaporte da raça Crioula em Pato Branco


Foram ao total, 64 animais confirmados fazendo parte dessa 16ª Passaporte do ciclo. A modalidade chega cada vez mais perto de concluir as vagas e conhecer por completo os animais que estarão na grande final morfológica da raça, em Esteio. Pato Branco (PR), assim como as outras cidades, não se mostrou despercebida com relação ao nível dos animais apresentados e recebeu cabanhas que representaram os três estados da região sul. O responsável pelo julgamento na cidade paranaense, Telmo Ferreira Raimundi, confirmou o alto nível na qualidade do plantel avaliado em pista. Para ele, os animais aqui passaporteados estarão representando muito bem a região. “Eu encontrei um grupo de animais de muita qualificação”, salienta. Para chegar a uma exposição Passaporte e conquistar uma das quatro vagas de cada categoria, existe muito trabalho e anos de dedicação por trás da conquista da escarapela. Entra as fêmeas, todo esse esforço valeu o título de Melhor Exemplar da raça para a Grande Campeã. A égua Santa Fé do Caçador, foi exposta por Sandoval Caramori, que contou que a égua foi comprada aos dez meses ainda como cria em pé em um leilão por sua esposa e a esposa do outro sócio do animal. Caramori conta que é a única égua de sua propriedade que vai competir a final na Expointer e que toda torcida será voltada para ela, na morfologia. “A expectativa é sempre positiva, se não der é outra história. Mas, eu sempre penso no maior e quero um dia como criador ser um Grande Campeão de Esteio e Freio de Ouro”, destaca. Ele salienta que a grandiosidade do Cavalo Crioulo é o que ele proporciona, aos estar junto às pessoas e aos amigos, tornando cada encontro maravilhoso. Entre os machos, para um dos proprietários do Grande Campeão desta exposição, Luciano Pinheiro, alcançar este mérito com o garanhão Santa Martina Maragato, foi um esforço em conjunto com o outro proprietário e a equipe do Centro de Treinamento. “Tenho que agradecer muito a minha equipe, cada um com seu papel, mas tudo é trabalho em conjunto e dedicação de todos para chegar em Esteio cada vez melhor”, comemora. Essa foi a segunda exposição que eles buscam pelo passaporte para a final e o primeiro ano de exposições do animal. Agora o foco, segundo Pinheiro, é a Expointer. Pato Branco é a décima sexta cidade a receber a prova que habilita animais para a Expointer, nesta temporada, e teve supervisão técnica de Jorge Aginelo, profissional credenciado à Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC). O circuito de Morfologia 2017 segue para as cidades de Campo Verde e Brasília e tem o patrocínio de Vetnil, Supra e Banrisul.

Confira o resultado FÊMEAS

Melhor Exemplar e Grande Campeã Santa Fé do Caçador, criador e expositor Sandoval Caramori, Cabanha Caçador, Água Doce/SC Reservada Grande Campeã Cortejada da Oca, criador e expositor Oto Breier, Cabanha Oca, Mafra/SC 3ª Melhor Fêmea Marconi Maragata, criador Alexandre Espindola e expositores Alexandre Espindola e Luciano Pinheiro, CT Luciano Pinheiro, Guaíba/RS 4ª Melhor Fêmea Esmeralda do Sol Brilhante-TE, criador e expositor Sérgio Augusto Amaral, Cabanha Sol Brilhante, Frederico Westphalen/RS MACHOS

Grande Campeão Santa Martina Maragato, criador Alexandre Suñé e expositores Alexandre Gasparotto e Luciano Pinheiro, Alexandre Gasparotto/CT Luciano Pinheiro, Guaíba/RS Reservado Grande Campeão PO Guardian, criador Gonçalo Porto Silva e expositor Ederson Bitencourt, Cabanha Malaga, Porto Alegre/RS 3º Melhor Macho Bem Casado da Castanea, criador Fernando Ferrari e expositor Odirlei e Thadia Grande, Estância Olaria, Chapecó/SC 4º Melhor Macho LAB Estribo de Prata, criador e expositor Luan Araldi Baggio, Cabanha do Acesso, Santa Bárbara do Sul/RS

Fotos: Felipe Ulbrich/ABCCC/Divulgação Texto: Karen Nunes/ABCCC

#ABCCC #CavaloCrioulo #Exposição #Passaporte #Morfologia #PatoBranco #Paraná