top of page
  • Foto do escritorAgroEffective

Centro-Oeste recebe trabalho de aprimoramento da pecuária de corte sustentável


Ajustar manejos e auxiliar produtores a obterem uma arroba barata e sustentável é o objetivo de um trabalho em andamento que envolve três estados e dois biomas: Cerrado e Amazônia. É a segunda edição do LucraAA Pecuária, um projeto da Agro Amazônia e executado pela SIA - Serviço de Inteligência em Agronegócios.


O gerente regional da SIA, Amir Sessim, conta que nos 300 dias de duração do LucraAA Pecuária há diversas etapas, como diagnóstico, construção de um planejamento, avaliações e apresentações de resultados. É no período que compreende os 180 dias finais, que são realizados 25 eventos com mais de 100 produtores envolvidos. “O projeto é realizado em uma fazenda referência para difusão do conhecimento a produtores de uma mesma região”, explica Sessim. A intensificação sustentável da pecuária de corte com a produção de uma arroba mais barata, relacionamento entre os participantes e promoção de debates técnicos em manejo de pastagens e do rebanho são os objetivos do LucraAA Pecuária.


Amir Sessim conta, ainda, que foi realizado o primeiro circuito de dia de campo do projeto em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, em Barra do Garças, no Mato Grosso, e Jussara, em Goiás. Também já foram iniciados os dias de campo nas cidades de Cáceres, Mirassol D´Oeste e Alta Floresta (MT). “Concluímos a etapa de dias de campo para apresentação dos projetos para os produtores e a partir de agora terão os dias de campo para acompanhamento dos resultados”, relata o gestor. Segundo ele, os produtores estão muito receptivos com a proposta do projeto que visa auxiliar na maior dificuldade da pecuária, o manejo do pasto. “Os produtores concordam que a forma de produzir uma arroba barata é por meio de pastagens e com o LucrAA eles vão poder melhorar o manejo nas suas fazendas”, explica Sessim.

Comments


bottom of page