top of page
  • Foto do escritorAgroEffective

Criadores de ovinos conhecem campeões de cinco raças nesta segunda


Nesta segunda-feira, 29 de agosto, as atividades das pistas de ovinos do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS) foram marcadas pela conclusão dos julgamentos de três raças populares - Suffolk, Texel e Corriedale -, além das raças Crioula e Merino Australiano .


A Cabanha Santa Camila, de Alegrete (RS), conquistou os Grandes Campeonatos Macho e Fêmea da raça Merino Australiano, especializada na produção de lã fina,com os exemplares Camila IA 3253 e Camila IA 3610, respectivamente. Ambos foram campeões nas categorias Ovino Jovem e são de propriedade do criador Manoel Francisco Zirbes Rodrigues.


Os criadores da raça de origem neozelandesa Corriedale definiram suas melhores fêmeas pela manhã. Dentre as 20 concorrentes, a Grande Campeã foi a vencedora da categoria Borrega Maior, J.S.F. do Espinilho. O animal pertence a Joaquim Soares Neto, da Cabanha Espinilho, de Bagé. Já a Reservada de Grande Campeã foi D.R.F. 121, vitoriosa na classe Borrega Menor e representante da Chácara São Carlos, também de Bagé. Integrante do corpo de jurados, Gustavo Caringi de Oliveira Veloso Veloso apontou as qualidades da vencedora em relação às demais: “Uma borrega muito correta de aprumo, com fundo de costela, comprida. Um animal que nos pareceu o mais harmônico dentro do grupo das borregas”.


À tarde, foram eleitos os melhores exemplares machos da Corriedale. O Grande Campeão foi o vencedor da categoria Ovino Jovem, Burity 5375, pertencente a José Inácio de Andrade Freitas, da cabanha Estância Escondida, de Alegrete. “O Grande Campeão foi um animal que foi imponente, um carneiro de muito tamanho, volume de costela, largo de lombo, com classe e elegância para um animal pesadíssimo, com micronagem de 27,2, um carneiro muito completo e importante para a raça”, avaliou o jurado argentino Brian Watson.


No concurso da raça Crioula, o vencedor na categoria Borrego Maior, Sobrado Branco 353, sagrou-se o Grande Campeão. O animal foi apresentado pelos expositores Ivelene dos Reis e Pedro dos Reis, da Cabanha Rainha, de Triunfo. “O vencedor tem todas as qualidades de um carneiro, por mais que seja jovem, tinha velo, comprimento, estrutura, peso e expressão de macho e racial”, disse o jurado Júnior Godinho.


O segundo dia de avaliações de ovinos teve julgamento de machos Texel e Suffolk. Dentre os 75 animais inscritos na raça Texel, o Grande Campeão foi Amado 1460, da Cabanha Dom Amado, de Hulha Negra (RS), de propriedade de Juliano Kalil Gonçalves. Para o jurado Jair de Lima Pereira Filho, o exemplar - considerado o melhor da categoria Borrego Menor -, é um bom representante do padrão da raça, reconhecida por sua produção de carne e de lã: "Animal muito puro, carniceiro, bom osso. Boa pigmentação, quase sem manchas".


Dentre os concorrentes da raça Suffolk, o Grande Campeão foi Do Contestado, representante da Cabanha Fazenda Flor do Pago, de Elvio de Oliveira Flores, da cidade de. Irani (SC). O julgador Cristiano Cavalheiro valorizou a boa genética do vencedor. "Borrego bem aprumado, bastante volume de carne, pigmentado e um selo que a raça procura", disse.

Yorumlar


bottom of page