top of page
  • Foto do escritorAgroEffective

Técnicos da Arco ministram treinamentos em países da América do Sul


Técnicos da Associação Brasileira de Criadores de Ovinos (Arco) estiveram, durante o mês de fevereiro, em países da América do Sul realizando treinamentos para colegas ligados à outras associações. Os destinos foram o Paraguai e a Colômbia.


Márcio Armando Gomes de Oliveira, inspetor tecnico da associação no Estado de São Paulo e coordenador do colégio de jurados das raças ovinas da Arco, esteve na Colômbia, onde recebeu o convite da Federación Nacional de Caprinocultores y Ovinocultores de Colombia (Fedeanco), para ministrar um treinamento de técnicos nas cidades de Uríbia e El Cocuy, com duas turmas de aproximadamente 30 participantes. "O treinamento faz parte de um amplo trabalho de desenvolvimento no setor da caprinovinocultura colombiana, iniciado com o auxílio do uruguaio Daniel Benitez, que já prestou serviços para a Arco, no Brasil. Benitez identificou a necessidade de formação de técnicos colombianos, tanto para os trabalhos de registro genealógico, quanto para as avaliações a fim de melhorar geneticamente os rebanhos colombianos", destaca.



Já o inspetor técnico Amaro Mendes de Araújo, do Paraná, esteve no Paraguai ministrando treinamentos para técnicos daquele país. Ele explica que foram quatro dias de encontros, um para cada raça: Santa Inês, Dorper, Texel e Hampshire Down. O treinamento ocorreu em cabanhas dos departamentos de Cordillera y Misiones. “Onze candidatos fizeram aulas teóricas e práticas e ao final realizaram as provas também, teóricas e práticas", destaca, acrescentando que todo o período contou com o assessoramento de representantes da entidade do país, a Asociación Paraguaya de Criadores de Ovinos (Apco).

Commentaires


bottom of page