• AgroEffective

Produtores rurais se mobilizam por asfaltamento de rodovia estadual


Produtores rurais da Metade Norte do Rio Grande do Sul vão realizar no próximo sábado, dia 23 de agosto, mobilização pedindo o asfaltamento da rodovia RS-514, entre Palmeira das Missões e Ajuricaba. O ato, que tem início previsto para as 8h, deve ter a participação de pelo menos mil agricultores e empresários da região que são prejudicados pelas péssimas condições de tráfego do local. A concentração será na sede da Sementes Costa Beber, localizada no quilômetro 25 da rodovia.

Segundo o produtor rural Alisson Maron, um dos líderes da comissão que cobra melhorias na rodovia, são afetados de pequenos até grandes produtores, além de cooperativas, transportadoras de leite, grãos, insumos, transporte coletivo de passageiros e alunos. Relata que uma linha de ônibus foi desativada em função dos prejuízos e de não poder circular em dias de chuva. A estimativa do grupo, conforme estudo com base em dados do IBGE, considerando uma área média entre importantes rodovias que cercam a RS-514, circulam anualmente pela rodovia mais de 240 mil toneladas de soja, 51 mil toneladas de milho, 50 mil toneladas de trigo, 54 milhões de litros de leite, 25% das sementes produzidas no Rio Grande do Sul, além de outros cereais e carnes.

Maron afirma que o asfaltamento da rodovia foi um projeto do próprio governo estadual. Em 1993 foi realizado um levantamento topográfico e seguido da instalação de marcos ao longo da rodovia. "Mas a obra acabou sendo deixada de lado, não se sabe por qual motivo, Segundo alguns relatos certos órgãos do governo têm a rodovia documentada como pavimentada, mas no site do DAER essa informação não procede", informa.

A mobilização pelo asfaltamento ocorria através de vereadores dos municípios envolvidos, que tentaram por algumas vezes solicitar a inclusão no orçamento do Estado. De acordo com Maron, durante o governo de Yeda Crusius a obra constava no orçamento, porém sequer o projeto foi feito. Outras mobilizações foram realizadas em dezembro de 2012 e julho de 2013. No último, com a participação de parlamentares, foi sugerida a entrega de um pedido aos deputados para incluir a verba para a elaboração do Projeto de Estudo de Viabilidade Técnica e Ambiental para posterior pavimentação da rodovia. "No dia 14 de agosto de 2013 nos reunimos com diversos órgãos do governo e entregamos aos parlamentares o pedido de inclusão da verba para o projeto no orçamento. Uma emenda foi criada pela deputada Silvana Covatti, porém rejeitada pela bancada. Outra mobilização realizada foi durante a votação da pavimentação da RS-514 como prioridade regional no COREDE do Noroeste Colonial, que acabou ficando em terceiro lugar", conta.

A rodovia RS-514 possui 84,5 quilômetros incluindo o trecho pavimentado, iniciando no município de Palmeira das Missões no entroncamento com a BR-158 passando pela zona rural dos municípios de Condor, Santo Augusto, Nova Ramada, até chegar na cidade de Ajuricaba. O único trecho pavimentado, de 16,5 quilômetros, segue da cidade de Ajuricaba até o entroncamento com a RS-155 no distrito de Chorão, em Ijuí. Informações sobre o movimento dos produtores podem ser acompanhadas no blog http://rodoviars-514.blogspot.com.br.

#rodovia #estrada #logística #transporte #rs514