• Trajano Silva Remates

Cavalos de pelagem manchada estão em alta no mundo


Cada vez mais os adeptos da equinocultura buscam exemplares que reúnam beleza e docilidade no trato como requisitos na hora de escolher um animal. Dentro desta tendência, os cavalos manchados vem fazendo sucesso não só no Brasil, mas no mundo como um todo. Especialmente em mercados desenvolvidos, onde cresce não só o uso no esporte, mas também no lazer, a pelagem tem sido um diferencial.

O leiloeiro e diretor da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva, confirma este cenário. Em países como o Japão e a Alemanha, onde aumentam o número de usuários que buscam cavalos para passeio, a escolha por pelagens pintadas é uma realidade. "O cavalo manchado é uma realidade. Este mercado de passeio cresce barbaramente, onde animais castrados chegam a ser vendidos por 10 mil euros, o que é um preço considerado bom", observa.

Os Tordilhos Oveiros na Europa, parentes do Percheron Belga, e os Pinto Horse, muito comuns nos Estados Unidos, são alguns dos exemplos de animais manchados que vem conquistando admiradores. No Brasil, cabe ao cavalo Crioulo o status de puxar o crescimento no mercado. Silva ressalta que as características das raças tobianas, oveiras e bragadas são importantes na escolha destes exemplares. "É o cavalo com pelagem mais exótica, mais bonito e de melhor temperamento", avalia.

Os aficionados terão a oportunidade de adquirir exemplares no dia 18 de fevereiro, quando ocorre o leilão Mancha Crioula, a partir das 21h, no Tatersal do Cavalo Crioulo do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS). Estarão em pista 39 lotes e 38 coberturas. Entre eles a última filha da Cônega de San Martin, um ícone da raça Crioula em falando em tobianas, e que já está credenciada ao Freio de Ouro 2016, além da quarta melhor potranca da Expointer, Saudades do Tronco da Figueira. Outro destaque é Harmonia Muchacho, um garanhão premiado nas exposições, filho de pai consagrado também e que será vendido em cotas.

O diretor da Trajano Silva Remates, Gonçalo Silva, lembra também que serão ofertadas diversas potrancas de pista, prenhezes de cavalos importantes e o último campeão do Mancha Crioula do ano passado, o Buenaço da Maior. “Realmente vamos ter a melhor oferta do Mancha Crioula em toda a sua história. Esse ano vamos ser coroado com um evento muito bonito”, afirma.

Conforme Silva, o Mancha Crioula sempre tem médias importantes e hoje já é possível dizer que é o primeiro evento do ano da Raça Crioula. “Nos últimos três ou quatro anos, o Mancha é o ponta pé inicial do ano da raça. Já se pode tê-lo como um parâmetro do ano que se inicia”, garante.

As inscrições para a exposição, que distribuem mais de R$ 40 mil em prêmios, estão abertas. Mais informações sobre a programação do Mancha Crioula podem ser conferidas no site da Trajano Silva Remates www.trajanosilva.com.br.

Serviço Leilão Mancha Crioula

Data: 18 de fevereiro de 2016 Hora: 21h Local: Parque de Exposições Assis Brasil - Esteio (RS) Oferta: 39 lotes e 38 coberturas da raça Crioula Informações e pré-leilão: http://trajano.siteseguro.ws/lote/listar_lote/203/1

#TrajanoSilvaRemates #ManchaCrioula #CavaloCrioulo #Tobianos #Oveiros #Bragados #Leilão #Remate #Esteio

RELEASES

  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • SoundCloud - Círculo Branco
  • Spotify - Círculo Branco