top of page
  • Foto do escritorAgroEffective

Cultura da soja já registra perdas em lavouras pelo Rio Grande do Sul


A seca que atinge o Rio Grande do Sul em mais um ano já revela quebra nas culturas de verão. No milho, segundo as estimativas de entidades do setor, as perdas já ultrapassam os 50%. Já na soja, mesmo ainda sem números definitivos, os produtores já relatam problemas nas implantações das lavouras.


Produtores rurais atendidos pela Guapo Sucessão Familiar informaram à consultoria que a oleaginosa já amarga com os problemas de falta de chuvas no Estado. A previsão é de que em regiões como a Central e a Fronteira Oeste a soja terá problemas no crescimento das plantas.


Segundo o sócio da Guapo, Marcio Weiler, é mais uma estiagem severa que o Rio Grande do Sul vem enfrentando, em especial na Região Central e Fronteira. “Segundo o Inmet, nos últimos 28 dias em Santiago choveu 25 milímetros. Isso conflita com informações de que não existem perdas significativas nestas áreas”, destaca.


Weiler observa que os relatos junto aos atendidos pela consultoria sinalizam perdas entre 20% a 30% da safra nestas regiões. “Os produtores devem buscar suas assessorias especializadas de forma a se precaver de mais perdas além daquelas já causadas pelo clima”, complementa o especialista.

Komentarze


bottom of page