top of page
  • Foto do escritorAgroEffective

Pelotas recebe lançamento regional da Abertura Oficial da Colheita do Arroz


A sede da Associação Rural de Pelotas (RS) sediou nesta quarta-feira, 11 de outubro, durante a Expofeira do município,, o lançamento regional da 34ª Abertura Oficial da Colheita de Arroz e Grãos em Terras Baixas. O evento, organizado pela Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz), reuniu produtores, entidades do setor, autoridades e jornalistas para apresentar detalhes do poderá ser visto, entre os dias 21 e 23 de fevereiro de 2024, na Estação Terras Baixas da Embrapa Clima Temperado, em Capão do Leão (RS).


Com o tema “Gestão Potencializando Safras”, a Abertura da Colheita apresentará novidades na área de insumos, tecnologias, equipamentos, irrigação, clima, legislação, meio ambiente, finanças, mercado, economia, produtividade e inovação. Nos três dias do evento, que tem na colheita da lavoura Breno Prates seu ponto alto, os temas tratados abrangem multiculturas e os caminhos para a sustentabilidade das lavouras.


O presidente da Federarroz, Alexandre Velho, ao iniciar sua fala, ressaltou a revolução ocorrida nas lavouras de arroz com a entrada da soja e a rotação de culturas, nos últimos 10 a 12 anos. Também comparou a área destinada à Abertura, de cinco hectares em Mostardas, em 2013, à área hoje de 26 hectares destinada ao evento, na sede da Embrapa. Apesar do tamanho, o dirigente garantiu que hoje, praticamente, não há mais espaço dentro da Abertura, porque a maioria das empresas já garante sua continuidade num próximo evento, ressaltando o interesse dos expositores. “Estamos buscando sempre inovar e dentro desta inovação estamos com um projeto de uma arena digital este ano, e já temos o apoio da Secretaria de Inovação do Estado, e também um projeto de área de drones”, anunciou o presidente da Federarroz.


Velho também destacou a responsabilidade que a Abertura da Colheita tem com o produtor. “Este protagonismo que temos na produção de arroz brasileira, eu tenho a convicção de que continuaremos a ter, até pela questão do clima do Rio Grande do Sul e controle de pragas, nós vamos continuar sendo produtores de 60% a 80% de arroz brasileiro. Velho não deixou de falar sobre a responsabilidade social do evento, pela movimentação econômica que proporciona à região e contou que a Federarroz prima, inclusive, por buscar fornecedores e mão de obra locais.


Entre os presentes que prestigiaram o evento estiveram o diretor vice-presidente da Farsul e presidente do Sindicato Rural de Pelotas, Fernando Rechsteiner; o presidente da Associação Rural de Pelotas, Augusto Rassier, o coordenador regional do Irga, Igor Kohls, o chefe geral da Embrapa Clima Temperado, Roberto Pedroso, o superintendente do Senar RS, Eduardo Condorelli, o prefeito em exercício de Pelotas, Idemar Barz, e o prefeito de Capão do Leão, Vilmar Schmitt.


A 34ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz e Grãos em Terras Baixas é uma realização da Federarroz e correalização da Embrapa e do Senar RS.

Comments


bottom of page