top of page
  • Foto do escritorAgroEffective

Reunião técnica impulsiona Centro de Qualificação Profissional em Minas do Camaquã


O Centro de Qualificação Profissional Minas do Camaquã, em Caçapava do Sul (RS), empreendimento da Associação Gaúcha de Professores Técnicos de Ensino Agrícola (Agptea), foi tema de debate durante reunião técnica ocorrida no município, na última sexta-feira, 6 de outubro, dentro da programação da 2ª Festa do Azeite de Oliva. Com a presença de autoridades, deputados e empresários foram discutidas alternativas e contribuições que tanto a comunidade local quanto o Estado podem dar a esta iniciativa da entidade. Também participaram representantes da Secretaria da Educação (Seduc) e da Emater. A reunião foi coordenada pelo secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico, Derly Fialho.


A Agptea esteve representada pelo seu presidente Fritz Roloff, pelo vice-presidente, Celito Luiz Lorenzi, pelo coordenador do Centro de Qualificação Minas do Camaquã, Paulo Benites, e pelo diretor do Agptea Minas Hotel, Ivanoi da Fontoura Brito. De acordo com Roloff, foi possível alcançar um entendimento de que o Centro de Qualificação passa a ser também prioridade pública. “Minas do Camaquã é uma localidade que precisa de incentivos para que a economia da região possa ser alavancada e todos que participaram da reunião reconheceram que a iniciativa da Agptea é um propulsor para que novas medidas econômicas ali aconteçam”, afirma o dirigente.


Roloff destaca, ainda, que este centro de formação e qualificação terá como foco as olivas, a noz-pecã, as frutas nativas, assim como o mel. Salienta que as abelhas são reais bioindicadores de todo esse sistema de produção das frutíferas. Outra demanda destacada por ele em relação ao empreendimento, é fornecer capacitação para as atividades rurais envolvendo, por exemplo, a parte de mecanização, e com isso preparar pessoas para o mundo do trabalho que “possam ter uma visão holística de uma propriedade rural”.


O presidente da Agptea comemora que as ideias da entidade quanto ao Centro de Qualificação Profissional Minas do Camaquã estão sendo bem acolhidas. Informa que já ficou definida uma reunião em Porto Alegre que será coordenada pelo secretário de Desenvolvimento Econômico, Ernani Polo, e que terá como objetivo verificar as possibilidades de como o Estado poderá participar desta iniciativa. “Temos a plena convicção de que conseguimos dar um start para que a nossa entidade possa ser também colaboradora na geração de recursos para que esse empreendimento se torne economicamente viável. Estamos muito orgulhosos e agradecidos e com a certeza de que estamos no caminho certo”, finaliza Roloff.

Комментарии


bottom of page