top of page
  • Foto do escritorAgroEffective

Vaquero Working Cow Horse tem estreia na Arena do Cavalo Crioulo


A Semana do Cavalo - Maneca Costa, que se prolonga até o sábado, dia 28 de outubro, contará com a estreia de uma nova modalidade para o Cavalo Crioulo. Trata-se da Vaquero/Working Cow Horse, que terá 33 competidores entrando em pista na quinta-feira, dia 26, às 16h30min, para a etapa de Rédeas. A Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) fará um estudo sobre a aceitação da nova modalidade pela comunidade crioulista e poderá apresentar um circuito de cinco etapas da Vaquero para o próximo ano.


O vice-presidente de Provas Esportivas da entidade, Fernando Gonzales, avalia que a Vaquero/Working Cow Horse não compete com as outras modalidades e, sim, congrega. por ela ser uma fase transitória. “Um cavalo pronto para Vaquero, ele pode vir a fazer Rédeas, competir em La Rienda, no Freio, como já teve alguns casos, então a gente pensa que ela é uma fase que preenche dentro da cadeia do cavalo um espaço muito importante”, afirma.


O dirigente também considera a nova modalidade como positiva para o mercado. Gonzales acredita que ela irá criar mais empregos, injetar mais cavalos que também podem ser usados para Laço, Freio Jovem, do Proprietário e por usuários de cavalgadas. “Também serve como um grande experimento genético, as cabanhas podem usar a prova para botar à prova sua genética e ver o que está funcionando, quem tem bom temperamento, habilidade para parar, girar, correr…Então a gente acha que é uma modalidade que tem muito futuro”, considera.


A Semana do Cavalo reúne, ainda, as provas Rédeas de Ouro, Doma de Ouro/ Um Ano de Freio e Movimiento a La Rienda.


Foto: Daymon Grocheviski/Divulgação

Comentários


bottom of page