• Falker

Falker apresenta na Expodireto inovações para a agricultura


O município gaúcho de Não-Me-Toque, considerado a capital nacional da agricultura de precisão, mais uma vez vai ser palco de uma grande exposição de inovação para o produtor. De 6 a 10 de março, ocorre a décima oitava edição da Expodireto Cotrijal, considerado um dos principais eventos agrícolas do país. Mais uma vez, a Falker Automação Agrícola, empresa nacional com sede em Porto Alegre (RS), estará presente apresentando seu portfólio de ferramentas para o produtor.

Uma destas novidades é o FarmLink, um novo sistema de monitoramento e controle dos níveis de umidade do solo. Um sensor é instalado na lavoura com uma antena de rádio de 50 centímetros. Estas antenas formam uma rede que transmite a informação até chegar a um ponto ligado à uma estação central na fazenda, onde se concentram os dados de toda a propriedade. "Hoje o produtor instala o sensor, deixa no campo, e sempre que for realizar a medição tem que ir ao local para conectar o leitor. Com o novo sistema, teremos uma informação atualizada sobre a distribuição da umidade", explica o diretor da empresa, Marcio Albuquerque.

Para o diretor da Falker, o grande diferencial deste sistema é a precisão nas informações que chegam aos produtores sobre como está a umidade do solo em diversos pontos da lavoura. "Existem tecnologias importadas que colocam seu sensor ao lado de uma estação meteorológica, no nosso sistema será sem fio e teremos a informação de dezenas de pontos cobrindo uma área, permitindo conhecer a variação da umidade, pois ela não é uniforme. Teremos áreas mais úmidas e outras menos, e o produtor poderá ter um sistema para controlar esta irrigação", salienta.

Também será apresentada a nova versão do FalkerMap, que vai permitir ao produtor gerar seus próprios mapas com simplicidade e a um custo baixo ou até mesmo de forma gratuita. “É um software para agricultura de precisão, desenvolvido com tecnologia nacional e que vai possibilitar ao produtor gerar mapas de sensores de alta densidade, imagens aéreas, relatórios personalizados e mapas de colheita, além de aliar as vantagens do trabalho on-line e off-line”, ressalta o diretor da Falker.

Outro produto que estará em exposição na Expodireto Cotrijal será o Terram, que permite detectar se o solo é uniforme ou se tem variabilidade em sua composição e, a partir disto, é possível saber exatamente em que local ele está mais propenso a ser corrigido. O produto é o primeiro Medidor de Condutividade do Solo feito por uma empresa brasileira - até então só existem produtos importados - e vai custar 30% menos do que os concorrentes vindos de fora do país.

A medição é feita de forma contínua, ao passar o equipamento no solo sendo arrastado por um trator ou outro veículo. Os dados são coletados diretamente pelo equipamento, não precisando análise em laboratório. Não existe um custo por análise, sendo o investimento feito apenas no equipamento. “Pela sua relação com a disponibilidade hídrica, trabalhos recentes também apontam o uso da medição de condutividade como uma das ferramentas para orientar plantios com população variável de sementes para aproveitar ao máximo o potencial de cada parte das lavouras", destaca Albuquerque. Dependendo do tamanho de área que o produtor possuir, o novo FalkerMap traz vantagens econômicas, com custos que podem representar apenas 10% do valor de um software importado. Esta nova versão será gratuita para os agricultores que possuírem áreas de até 200 hectares e irá custar R$ 39,90 mensais para áreas de até mil hectares. “Esta possibilidade de preços diferenciados amplia a utilização de soluções para a agricultura de precisão, tornando-a mais acessível. Esta nova versão também torna mais dinâmica sua utilização ao ser híbrida, ou seja, pode ser usada apenas no PC ou na Web, ou em ambos”, afirma Albuquerque.

A Falker Automação Agrícola vem despontando no cenário brasileiro como uma das mais inovadoras do setor de agricultura de precisão. No último ano, os investimentos em pesquisa e desenvolvimento tiveram um incremento de 30% para aumentar em 50% o portfólio de produtos ofertados ao mercado consumidor. "Acreditamos no mercado agrícola, na expansão da agricultura de precisão e na busca por informações agronômicas para a gestão agrícola. Por isto ampliamos a linha de produtos e estamos prontos para o próximo ciclo de expansão", observa o diretor da empresa.

#Falker #AgriculturadePrecisão #ExpodiretoCotrijal